Belo Horizonte, 03 de Fevereiro de 2023

OUTUBRO ROSA Prontamente diagnosticado, o câncer de mama tem cura!

OUTUBRO ROSA

CAMPANHA DE PREVENÇÃO AO CÂNCER DE MAMA

 

A data é celebrada anualmente, com o objetivo de compartilhar informações e promover a conscientização sobre o CÂNCER DE MAMA e proporcionar maior acesso aos serviços de diagnóstico e de tratamento, contribuindo para a redução da mortalidade provocada por esta doença.

Segundo tipo mais frequente no mundo, o câncer de mama é um tumor devido a alterações genéticas nas células mamárias, que sofrem um crescimento anormal. É o mais comum entre as mulheres, respondendo por 22% dos casos novos, a cada ano. Se diagnosticado precocemente e tratado oportunamente, o prognóstico é positivo e a chance de cura é alta.

Relativamente raro, antes dos 35 anos, acima desta faixa etária sua incidência cresce rápida e progressivamente. Estatísticas indicam aumento de sua incidência tanto nos países desenvolvidos quanto nos em desenvolvimento.

Por isso, é importante observar se há alguma anomalia nos seios, como inchaços, saliências ou rugosidade. A palpação deve ser feita durante o banho com o corpo molhado e as mãos ensaboadas. Caso seja possível sentir alguma alteração, é necessário consultar um médico ginecologista.

Entretanto, é preciso saber que a presença de pequenos nódulos na mama é relativamente comum, especialmente nas mulheres e não indica que um câncer está se desenvolvendo. Se esse nódulo for aumentando ao longo do tempo ou se causar outros sintomas, pode indicar malignidade e, por isso, deve ser investigado clinicamente e através de outros exames mais detalhados.

É preciso muita atenção e consultas periódicas com os médicos especialistas que irão identificar a presença ou não de câncer nas mamas.